Leia também:
X STF: Toffoli pede vista na ação de demissão em massa sem acordo

Pazuello: STF impediu plano do governo de combate à pandemia

Ex-ministro lembrou que autonomia foi dada a estados e municípios

Pierre Borges - 20/05/2021 17h09 | atualizado em 20/05/2021 17h30

Ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello Foto: Agência Senado/Edilson Rodrigues

Em depoimento à CPI da Covid, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello atribuiu à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) o fato de “muitos” itens do plano nacional de contingência de Covid-19 não terem sido implantados pelo governo federal.

– Plano estratégico, muito longo, já estava discutido. Muitas coisas não foram implantadas pela própria posição de que as decisões seriam de estados e municípios. O plano foi feito com ministro Mandetta – disse Pazuello.

Ontem, no início do depoimento, o ex-ministro Pazuello afirmou que o entendimento do STF sobre a autonomia de estados e municípios para executar as medidas necessárias para conter o avanço do coronavírus limitou a atuação do Executivo federal. Ao falar à CPI nesta quinta-feira (20), Pazuello voltou a fazer inferências como essa.

A decisão do STF definiu que União, estados, Distrito Federal e municípios têm competência concorrente na área da saúde pública para realizar ações de mitigação dos impactos do novo coronavírus.

*Estadão

Leia também1 STF: Toffoli pede vista na ação de demissão em massa sem acordo
2 Israel e Hamas aprovam cessar-fogo na Faixa de Gaza
3 PT vai ao STF e pede afastamento de Salles do Meio Ambiente
4 Pazuello diz que sociedade em empresas é herança de seu pai
5 Jair Bolsonaro não descarta possibilidade de retornar ao PP

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.