Leia também:
X “Não vamos subir em cadáveres para fazer política”, diz Guedes

Pazuello adia depoimento na CPI por suspeita de coronavírus

Ex-ministro da Saúde seria ouvido nesta quarta-feira

Thamirys Andrade - 04/05/2021 11h27 | atualizado em 04/05/2021 13h29

Ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello Foto: Agência Brasil/Marcelo Camargo

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello não comparecerá ao Senado para o depoimento da CPI da Covid nesta quarta-feira (5). O general afirma que teve contato com pessoas infectadas com a Covid-19 e, por isso, ficará em isolamento social por 14 dias.

A ausência do ex-ministro foi comunicada pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) nesta terça-feira (4). O presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM), ainda não informou se Pazuello falará de forma remota.

Os depoimentos dos ex-ministros da Saúde Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich estão marcados para esta terça-feira. Contudo, segundo Aziz, Teich poderá ser ouvido na quarta-feira devido à mudança de planos envolvendo Pazuello. A Comissão da Covid investiga supostas omissões e irregularidades do governo durante o enfrentamento à pandemia.

– Eu acho que, se amanhã [quarta], caso não venha o ex-ministro Pazuello, eu estou pedindo para que… pedi para o meu gabinete entrar em contato com o ministro Teich para que fizéssemos com ele amanhã, e hoje só ouviríamos o ministro Mandetta – afirmou Azis.

Leia também1 CPI da Pandemia ouve Mandetta e Nelson Teich nesta terça-feira
2 CPI: Aziz diz que há chance de convocar Guedes e governadores
3 CCJ da Câmara analisará PL para "enquadrar" ministros do STF
4 CPI: Ministro da Justiça será convocado, diz Renan Calheiros
5 CPI da Covid pretende analisar vídeos de reuniões da Anvisa

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.