Leia também:
X Ex-esposa do padrasto de Henry denunciou que ele era violento

Para Mourão, população não é negacionista, mas indisciplinada

Vice-presidente diz que a população está cansada das medidas restritivas

Monique Mello - 22/03/2021 11h41 | atualizado em 22/03/2021 15h22

Vice-presidente Hamilton Mourão disse que governo irá comprar vacina chinesa Foto: VPR/Romério Cunha

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, negou que o Brasil viva uma onda negacionista em relação à pandemia. Para ele, o problema do país é o cansaço da população em relação às medidas de isolamento social. Mourão comparou, inclusive, o atual momento ao futebol local, que, em sua visão, é indisciplinado em comparação ao futebol europeu.

– Não acho negacionista. O problema nosso é aquela história: a população cansa. Nosso povo não é dos mais disciplinados. Basta olhar um jogo de futebol nosso e… um jogo de futebol na Europa. Aqui, para bater uma falta, o cara leva cinco minutos. O mesmo cara quando vai para Europa muda a feição e a maneira de jogar e [de] se comportar. [Pela] nossa natureza, é difícil isso aí. [Eu] Te digo isso porque eu fui 46 anos profissional do exército, uma instituição [em] que a disciplina é fundamental, e a gente sabe que não é fácil manter a disciplina – disse Mourão, na manhã desta segunda-feira (22), em Brasília.

Quando perguntado sobre a troca de ministros da Saúde, o vice-presidente afirmou que ela deve ser concretizada nesta terça-feira (23).

– Esse é o último dado que eu tinha – finalizou o vice-presidente.

Leia também1 MP pede ao TCU Mourão no lugar de Bolsonaro na gestão da Covid
2 Mourão questiona a "liberdade de manobra" dos governadores
3 Mourão: "Lula foi condenado por corrupção. Isso não muda"
4 Amazônia: Fundo pode chegar a R$ 5,5 bilhões, diz Mourão
5 STF: Advogados tentam impedir processos de crime contra honra

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.