Leia também:
X Bolsonaro diz estar em dúvida entre três partidos para 2022

Para CPI, Jair Bolsonaro cometeu crime por associar vacina ao HIV

Comissão se manifestou após exigência do STF

Gabriela Doria - 01/11/2021 16h29 | atualizado em 01/11/2021 16h52

Cúpula da CPI acusou Bolsonaro de crime de responsabilidade Foto: Agência Senado/Roque de Sá

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, em resposta ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), acusou o presidente Jair Bolsonaro de tentar, por meio de suas lives, sabotar a campanha de vacinação contra a Covid-19. Para os senadores da comissão, Bolsonaro incorre em crime de responsabilidade ao colocar em dúvida a segurança e a eficácia da imunização.

Os senadores citaram como exemplo a transmissão em que o presidente citou a suposta relação da vacinação com o vírus HIV.

– As “fake news” proferidas pelo impetrante na live do dia 21 de outubro tinham o claro propósito de sabotar a campanha de vacinação coordenada pela Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19, do Ministério da Saúde, em articulação com estados, municípios e organismos internacionais, o que configura em tese crime de responsabilidade – disse a CPI.

A resposta da CPI surge após Moraes exigir um posicionamento sobre o pedido da comissão para “banir” o presidente das redes sociais. A ação pede que Bolsonaro seja excluído das principais redes sociais e plataformas: Facebook, Twitter, Youtube e Instagram.

Segundo os senadores, “a gravidade da conduta é exponencializada pelo fato de que o presidente da República, a par da representação legítima de eleitores que se identificam de maneira significativa e razoável com sua agenda política, tem um séquito de radicais que aderem cegamente às prescrições mais absurdas emanadas do chefe do Poder Executivo (mito)”.

Leia também1 Moraes manda CPI explicar ação para banir Bolsonaro da web
2 Bolsonaro diz que Lula o acusa de genocídio, pois é 'oportunista'
3 Bolsonaro acabou com o Bolsa Família por 'inveja', diz Renan
4 Senado: Polícia rastreia ameaças de morte a Renan, diz revista
5 Mayra Pinheiro entra com ação no STF contra Omar Aziz

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.