Leia também:
X Mourão sobre Bolsonaro e Braga Netto: “Não me sinto chateado”

Pacheco: “Não à ruptura do Estado de direito e democracia”

Presidente do Senado se manifestou sobre o tema em suas redes sociais

Henrique Gimenes - 27/06/2022 16h03 | atualizado em 27/06/2022 16h53

Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco Foto: Roque de Sá/Agência Senado

Nesta segunda-feira (27), o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, se manifestou contra a “ruptura do Estado de Direito e da democracia”. A declaração ocorreu durante sua fala no Fórum Jurídico de Lisboa, mas foi compartilhada pelo parlamentar nas redes sociais.

Para o parlamentar, é preciso defender a ruptura “em relação à fome, ao crime organizado e à ineficiência do Estado”.

– Se alguém no Brasil pensar em algum tipo de ruptura, que seja a ruptura em relação à fome, ao crime organizado e à ineficiência do Estado, que não consegue implementar todas as políticas que o Brasil precisa. Não, definitivamente, a ruptura do Estado de Direito e da democracia – apontou.

Leia também1 Bolsonaro fala de Lula e revela "chantagens de poderosos"
2 MEC: STF envia à PGR pedido do PT para investigar Bolsonaro
3 Bolsonaro revela conversa com Moraes: "Ele não me entende"
4 Putin diz a Bolsonaro que irá manter o envio de fertilizantes
5 Presidente do Banco Central sobre inflação: "O pior já passou"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.