Leia também:
X CPI deve pedir ajuda da OAB para denunciar Bolsonaro

Neto parabeniza o Santos por ‘barrar’ Bolsonaro em partida

Presidente foi impedido de entrar no estádio por não apresentar comprovante de vacinação

Henrique Gimenes - 11/10/2021 16h24 | atualizado em 14/10/2021 19h19

Neto parabeniza o Santos por barrar Bolsonaro em jogo na Vila Belmiro Foto: Reprodução/TV Band

Nesta segunda-feira (11), o apresentador Neto, do programa Donos da Bola da TV Bandeirantes, deu parabéns ao Santos por “barrar” o presidente Jair Bolsonaro de assistir a uma partida por ele não apresentar um comprovante de vacinação contra a Covid-19. A equipe paulista venceu o duelo contra o Grêmio neste domingo (10).

O assunto foi comentado por Bolsonaro em conversa com apoiadores ontem. Na ocasião, ele reclamou do chamado “passaporte da vacina”.

– Por que passaporte da vacina? Eu queria ver o jogo do Santos agora e me falaram que tem que estar vacinado. Por que isso? Eu tenho mais anticorpos do que quem tomou a vacina – protestou o presidente.

Na abertura de seu programa nesta segunda, Neto comentou a situação.

– Parabéns ao Santos por não deixar o presidente da República, o Sr. Jair Bolsonaro, por quem a gente tem que ter o respeito como presidente, mas ele deveria respeitar as pessoas, porque a regra é para todo mundo. Sem vacina, você não pode entrar em nenhum estádio, mesmo sendo presidente da República. Parabéns ao Santos! Ninguém tem direito sem estar vacinado. E o senhor não está mais imune que eu, porque eu tomei a vacina […] Sem a vacina, a gente não sobrevive – explicou.

Leia também1 CPI deve pedir ajuda da OAB para denunciar Bolsonaro
2 Romário: "Antes do Bolsonaro nosso país tava uma m****"
3 Deputado denuncia articulação para barrar Mendonça no STF
4 Bolsonaro: "Estou cumprindo uma missão de Deus"
5 Malafaia revela três ministros 'contrários' a Mendonça no STF

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.