Leia também:
X Paes defende Crivella após Justiça proibir show gospel

MPF denuncia presidente da OAB por calúnias contra Moro

Procurador também pediu que Felipe Santa Cruz seja afastado do cargo

Henrique Gimenes - 19/12/2019 17h57 | atualizado em 19/12/2019 18h18

Presidente da OAB, Felipe Santa Cruz Foto: Agência Brasil/Fábio Pozzebom

Nesta quinta-feira (19), o Ministério Público Federal pediu à Justiça que afaste o presidente da Ordem dos Advogados Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, por declarações dadas contra o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro.

A denúncia pelo crime de calúnia trata de uma entrevista dada por Felipe Santa Cruz ao jornal Folha de S.Paulo em junho, quando disse que Moro “usa o cargo, aniquila a independência da Polícia Federal e ainda banca o chefe da quadrilha ao dizer que sabe das conversas de autoridades que não são investigadas”.

O documento é assinado pelo procurador Wellington Oliviera, que considera que o presidente da OAB “caluniou, de forma livre e consciente, o Ministro da Justiça, Sérgio Moro, ao imputar-lhe conduta criminosa”.

Além disso, o procurador também disse que Felipe Santa Cruz faz uma “utilização política de uma das entidades mais importantes no cenário do Estado Democrático Brasileiro”, e que sua atitude deve ser “rechaçada e impedida pelos meios legais.”

Leia também1 STF libera venda de biografia sobre Suzane Von Richthofen
2 Marielle: STF arquiva pedido contra Bolsonaro e Carlos

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.