Leia também:
X São Paulo: Prefeito é investigado por lavagem de dinheiro

Mourão se nega a comentar atos do presidente Jair Bolsonaro

Vice-presidente afirmou que seria antiético tecer comentários fazendo parte da atual gestão

Paulo Moura - 24/05/2021 10h07 | atualizado em 24/05/2021 10h21

Vice-presidente Hamilton Mourão Foto: VPR/Romério Cunha

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB), disse nesta segunda-feira (24) que não comentará as manifestações realizadas pelo presidente Jair Bolsonaro ao longo das últimas semanas. Para Mourão, seria antiético comentar os atos sendo vice de Bolsonaro.

– Não comento atos do presidente Bolsonaro. Eu sou vice-presidente dele. É antiético eu fazer comentários – disse o general.

No domingo (23), o presidente participou de um passeio com motociclistas no Rio de Janeiro. O evento foi realizado de forma similar a um outro passeio que o chefe do Executivo havia feito no Distrito Federal, na manhã do Dia das Mães, quando rodou pelas ruas da capital federal.

Além do presidente, participaram do passeio o vereador do Rio Carlos Bolsonaro (Republicanos), os deputados federais Hélio Lopes (PSL-RJ) e Marco Feliciano (Republicanos-SP) e os ministros Augusto Heleno (GSI) e Tarcísio Gomes de Freitas (Infraestrutura). O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello esteve ao lado do presidente durante pronunciamento.

Questionado sobre a presença de Pazuello no evento, Mourão disse acreditar que a questão seja alvo de apuração pelo Exército, uma vez que a presença de militares da ativa, como é o caso de Pazuello, em eventos de cunho político configura transgressão punível com advertência e/ou até prisão.

– É provável que [o ato de Pazuello] seja [apurado]. É uma questão interna do Exército. Ele também pode pedir transferência pra reserva e atenuar o problema – opinou.

Leia também1 CPI critica ato de Bolsonaro e vai reconvocar Pazuello e Queiroga
2 Silas questiona Globo 'ignorar' motociata: "Jornalismo cretino!"
3 Bolsonaro viaja ao Equador para a posse do presidente Lasso
4 Irmã de Bolsonaro testa positivo para a Covid e segue internada
5 "Lamento cada morte no Brasil, temos que viver e sobreviver"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.