Leia também:
X SP: Estudante estuprada em rodeio comprova que foi dopada

Moraes se diz impedido sobre o pedido para soltar Zé Trovão

Ministro do STF não irá julgar o habeas corpus do caminhoneiro

Henrique Gimenes - 06/12/2021 17h20 | atualizado em 06/12/2021 17h46

Ministro Alexandre de Moraes, do STF Foto: Fellipe Sampaio/STF

Durante o julgamento no Supremo Tribunal do pedido de habeas corpus do caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, o Zé Trovão, o ministro Alexandre de Moraes se declarou impedido. O julgamento na 1ª Turma da Corte começou na sexta-feira (3) e já tem dois votos pela manutenção da prisão.

A análise ocorre por meio do plenário virtual e já tem os votos dos ministros Luís Roberto Barroso e Rosa Weber. Ainda faltam votar Cármen Lúcia e Dias Toffoli. Caso algum deles decida votar pela prisão, Zé Trovão seguirá na cadeia.

Primeiro a votar, o ministro Luís Roberto Barroso, relator do caso, já havia se manifestado contrário ao pedido para que Zé Trovão cumprisse prisão domiciliar com uso de tornozeleira eletrônica.

Em sua justificativa, Barroso alegou questões processuais para rejeitar o pedido. Segundo o ministro, a jurisprudência da Corte não permite que seja apresentado habeas corpus para reverter decisão de outro ministro do Tribunal – no caso, Alexandre de Moraes. Com este voto, forma-se a tendência de que o colegiado negue o recurso do caminhoneiro.

– Reitero que o Supremo Tribunal Federal firmou orientação no sentido do descabimento da impetração de habeas corpus contra ato de ministro, turma ou do plenário do Tribunal – lembrou o relator em seu voto.

Barroso também destacou que a defesa de Zé Trovão não apresentou nenhuma evidência de que houve ato de ilegalidade flagrante ou abuso de poder em sua prisão que pudesse embasar o pedido de liberdade dele.

Zé Trovão está preso desde o dia 26 de outubro, após autorização do ministro Alexandre de Moraes. Ele é investigado por incitar ameaças contra as instituições democráticas e convocar “atos violentos em protestos”.

Leia também1 STF julga liberdade de Zé Trovão; ministro Barroso vota contra
2 Interpol não cumpriu decisão de Moraes sobre Allan dos Santos
3 Julgamento de habeas corpus de Zé Trovão ganha data no STF
4 Proibir Silveira de dar entrevista é censura prévia, diz defesa
5 Pastor Júnior Trovão se filia ao Republicanos: 'Decisão certa'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.