Leia também:
X Em Natal, Doria é recebido com faixa de “você não é bem-vindo”

Moraes pede parecer da PGR em nova acusação contra Aras

Ministro do Supremo já havia arquivado uma outra denúncia contra Aras no início da semana

Paulo Moura - 28/08/2021 09h23

Ministro Alexandre de Moraes, do STF Foto: Agência Brasil/Marcelo Camargo

Após arquivar, na última segunda-feira (23), um pedido de investigação feito por senadores contra o procurador-geral da República, Augusto Aras, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), recebeu um novo pedido de abertura de inquérito contra Aras, e, dessa vez, decidiu pedir uma manifestação da Procuradoria-Geral da República (PGR) antes de tomar uma decisão sobre o assunto.

– Abra-se vista dos autos à Procuradoria-Geral da República, para manifestação, no prazo de 15 (quinze) dias – escreveu Moraes no despacho.

A nova denúncia foi feita pela Comissão de Defesa dos Direitos Humanos Dom Paulo Evaristo Arns, e acusa Aras de prevaricação por supostamente ter se omitido em temas como: falta de investigação contra Bolsonaro por supostos crimes na gestão da pandemia, suposta omissão diante de denúncias de supostas violações de direitos humanos do governo, e suposta omissão em relação a supostas “ameaças a quebra da ordem democrática”.

Na segunda, véspera da sabatina de Aras, o ministro arquivou um pedido apresentado por senadores contra Aras por entender que não havia indícios de crime. Desta vez, entretanto, Moraes resolveu pedir um posicionamento da própria PGR a respeito dos fatos antes de decidir a respeito da solicitação.

Leia também1 Queiroga diz que passaporte de vacinação não ajuda em nada
2 'É preciso botar um ponto final' no 'câncer' no TSE, diz Bolsonaro
3 Zezé di Camargo se oferece para cantar em álbum de Sérgio Reis
4 Em Natal, Doria é recebido com faixa de "você não é bem-vindo"
5 EUA não têm relatos de civis americanos mortos em ataques

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.