Leia também:
X Defesa de Jefferson vai pedir suspeição de Moraes ao STF

Moraes e Barroso esperam que Pacheco negue processo

Após prisão de Roberto Jefferson, Bolsonaro disse que irá ao Senado pedir abertura de processo contra os ministros

Thamirys Andrade - 14/08/2021 14h09 | atualizado em 14/08/2021 14h17

Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes Foto: STF/SCO/Fellipe Sampaio

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes, tiveram uma conversa na manhã deste sábado (14), após o presidente Jair Bolsonaro dizer que pedirá ao Senado a abertura de processo contra os dois magistrados.

Segundo informações do jornal Metrópoles, Barroso e Moraes creem que essa é uma tentativa de intimidação por parte do presidente, e que a investida não terá sucesso.

Na avaliação dos ministros, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco não aceitará as solicitações do presidente.

É responsabilidade do chefe da Casa decidir pela abertura ou não de processos de impeachment contra ministros da Suprema Corte.

A fala de Bolsonaro ocorre em meio a disputas com Barroso acerca do voto impresso auditável e determinação de Moraes que resultou na prisão do dirigente nacional do PTB, Roberto Jefferson.

– Na próxima semana, levarei ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, pedido para que instaure processo sobre ambos, de acordo com o art. 52 da Constituição Federal – declarou o presidente.

Leia também1 Defesa de Jefferson vai pedir suspeição de Moraes ao STF
2 Sabatina de André Mendonça no Senado deve ser em setembro
3 Maia sobre Bolsonaro: 'Populista' e 'ditador igual a Chavez'
4 Bolsonaro participa de evento em Academia Militar no RJ
5 Bolsonaro sobre atos de Barroso e Moraes: 'Extrapolam os limites'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.