Leia também:
X Ladrão confessa que atirou em PM em assalto à Casa & Video

Moraes decide que Bolsonaro não pode desistir de depor à PF

Ministro afirmou que não cabe ao presidente definir a forma do depoimento

Paulo Moura - 07/12/2020 14h02

Ministro Alexandre de Moraes Foto: STF/Rosinei Coutinho

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu que o presidente da República, Jair Bolsonaro, não pode desistir de prestar depoimento no inquérito que investiga suposta interferência política na Polícia Federal (PF). O ministro determinou que cabe ao Plenário do Supremo definir a forma do interrogatório.

Por meio da Advocacia-Geral da União (AGU), o presidente havia dito no fim de novembro que optou por não prestar depoimento no caso. Para o ministro, porém, não cabe ao presidente da República definir a forma como será ouvido e se pode ou não recusar-se a depor.

– A Constituição Federal consagra o direito ao silêncio e o privilégio contra a autoincriminação, mas não o “direito de recusa prévia e genérica à observância de determinações legais” ao investigado ou réu, ou seja, não lhes é permitido recusar prévia e genericamente a participar de atos procedimentais ou processuais futuros – argumentou Moraes.

O ministro ainda afirmou que “o absoluto e intransigente respeito às garantias fundamentais não deve ser interpretado para limitar indevidamente o dever estatal de exercer a investigação e a persecução criminal, função de natureza essencial e que visa a garantir”.

Moraes pediu ao presidente do STF, Luiz Fux, que marque uma data para a retomada do julgamento que discute o formato do depoimento do presidente no inquérito, se será presencial ou por escrito, e também negou pedido da AGU para encerrar as investigações.

Leia também1 Veja como votou o STF sobre a reeleição de Maia e Alcolumbre
2 STF barra reeleição de Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre
3 Supremo adia julgamento sobre plano de vacinação da Covid-19
4 Mendonça diz que cristão pode ser contra homossexualidade
5 Malafaia protesta após MPF aceitar denúncia contra Valadão

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.