Leia também:
X PDT aciona o TSE para barrar a candidatura de Jair Bolsonaro

Molon lamenta após PT vetar sua participação em comício de Lula

Partido apoia outro nome como candidato a senador pelo Rio de Janeiro

Pleno.News - 08/09/2022 14h56 | atualizado em 08/09/2022 15h06

Alessandro Molon Foto: Câmara dos Deputados / Antonio Augusto

O candidato ao Senado pelo Rio de Janeiro Alessandro Molon (PSB) lamentou o veto do PT do estado para sua participação em comício no período da tarde desta quinta-feira (8) em Nova Iguaçu (RJ). Apesar da divisão da coligação, o candidato afirmou que a candidatura segue “embalada”, “e muito, pelos eleitores”.

– É lamentável que o PT-RJ queira impedir nossa participação, hoje, no comício de Lula em Nova Iguaçu. Nossa candidatura (PSB/PSOL/Rede/Cidadania) está embalada, e muito, pelos nossos eleitores. Em nome deles, seguimos firmes e fortes, com Lula e Freixo, até a vitória – declarou Molon, em publicação no Twitter.

O candidato do PT ao Senado pelo Rio de Janeiro é André Ceciliano.

Às 17 horas, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que concorre pela cadeira do Executivo nacional, participará do ato Todos Juntos pelo Rio para alavancar a campanha do deputado Marcelo Freixo (PSB) na disputa pelo governo do estado.

De acordo com pesquisa Ipec divulgada na terça-feira (6), Romário (PL) lidera com folga as intenções de voto na corrida pelo Senado, com 32%. Na sequência, aparece Clarissa (União Brasil) com 8%.

Molon e Ceciliano, junto de Cabo Daciolo (PDT), aparecem com 7% cada; e Daniel Silveira (PTB) com 6%.

Bárbara Sinedino (PSTU), 1%; Raul (UP), 1%; Professor Helvio Costa (DC), Hermano Lemme (PCO) e Sued Haidar (PMB) com 1%. Itagiba (Avante) e Hiran Roedel (PCB) não pontuaram.

*AE

Leia também1 Bolsonaro envia ministro para representá-lo em solenidade
2 Trump revela apoio a Bolsonaro: “Homem maravilhoso”
3 TSE aprova candidaturas de Lula e Geraldo Alckmin à Presidência
4 Jair Bolsonaro e Luiz Fux irão ao Congresso para solenidade
5 TSE: Ministro nega pedido para investigar financiamento de ato

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.