Leia também:
X Gilmar: ‘Não há espaço para coações autoritárias armadas’

Miranda: Weber quer parecer da PGR sobre investigação

PF pediu que o deputado seja investigado por denúncia falsa contra Bolsonaro

Pierre Borges - 22/07/2021 18h14 | atualizado em 14/10/2021 17h14

Ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal Foto: STF/Carlos Moura

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta quinta-feira (22) que a Procuradoria-Geral da República (PGR) se manifeste sobre uma possível investigação do deputado Luis Miranda por suposta denunciação caluniosa contra o presidente Jair Bolsonaro.

Na terça (20), a Polícia Federal havia solicitado ao Supremo que o deputado fosse investigado no mesmo inquérito que já foi aberto para apurar suposta prevaricação de Jair Bolsonaro. Segundo Miranda, o presidente teria ignorado as denúncias apresentadas por ele e pelo irmão de irregularidades no contrato de compra das vacinas da Covaxin.

Weber argumenta que a decisão sobre a abertura formal de uma investigação contra Miranda é de responsabilidade da PGR.

O pedido da investigação foi feito inicialmente pelo ministro da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos, ao Ministério da Justiça. Por sua vez, o ministro da Justiça, Anderson Torres, acatou a solicitação de Ramos e encaminhou-a ao Supremo, para a análise. Agora a decisão fica a cargo da PGR.

Leia também1 Luis Miranda pode ser preso por falsa acusação contra Bolsonaro
2 Paes confirma que Rio de Janeiro terá Réveillon e Carnaval
3 PB: Briga com cadeiradas em fila de vacinação viraliza nas redes
4 Após polêmicas, Netflix anuncia aumento no valor da assinatura
5 Governo desbloqueia R$ 4,5 bilhões do Orçamento de 2021

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.