Leia também:
X Bolsonaro reforça que vacina da Covid-19 não será obrigatória

Ministro nega recurso da Globo para exibir documentos de Flavio

Emissora continua proibida de veicular documentos sigilosos das rachadinhas

Gabriela Doria - 19/10/2020 19h38

Ricardo Lewandowski negou recurso da TV Globo para exibir documentos da rachadinha Foto: STF/Carlos Humberto

O ministro Ricardo Lewandwoski, do Supremo Tribunal Federal, rejeitou a reclamação da TV Globo contra a decisão judicial que havia proibido a emissora de veicular informações sigilosas do caso que investiga o esquema de rachadinha na Assembleia Legislativa de Rio de Janeiro (Alerj). O senador Flavio Bolsonaro é um dos investigados.

A decisão inicial em favor do parlamentar foi feita no início de setembro, pela juíza Cristina Feijó, da 33ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

Na reclamação, a TV Globo alegou que a proibição imposta pela Justiça fere proteção da liberdade de expressão e o direito à informação.

Apesar disso, Lewandowski sequer apreciou o recurso da TV Globo. Em seu entender, ainda não tinham sido esgotadas as instâncias de recursos no Tribunal de Justiça do Rio. Ele despachou o caso para apreciação da Primeira Câmara Cível da corte fluminense.

Leia também1 Flavio Bolsonaro comemora "derrota da Globo" na Justiça
2 Web critica O Globo por fake news contra Flávio Bolsonaro
3 Justiça nega recurso da Globo para exibir documentos de Flavio
4 Web volta a cobrar explicações e levanta #RachadinhaGloboLixo
5 #RachadinhaDaGlobo: Web cobra explicações da emissora

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.