Ministro da Educação ironiza Lula e critica Paulo Freire

Abraham Weintraub fala sobre mudança do modo de pensar a pedagogia

Pleno.News - 01/08/2019 20h59

Ministro da Educação ironiza Lula e critica Paulo Freire Foto: Divulgação

Nessa quinta-feira (1º), o ministro da Educação, Abraham Weintraub, fez críticas ao escritor e filósofo Paulo Freire. Em entrevista ao programa Morning Show, da rádio Jovem Pan, o ministro deixou clara a ideia de que não deseja que a unanimidade prevaleça na educação brasileira. E também justificou a necessidade que o educador ou o método tenham um critério científico comprovado.

O entrevistador questiona que o filósofo Paulo Freire já foi condecorado e homenageado fora do país. Em seguida o ministério rebate.

– Se o Paulo Freire fosse tão bom, teria pelo menos mais um país além do Brasil usando o método dele. Coisa boa se copia, mas não tem nenhum país fora o Brasil que fala que Paulo Freire é o modelo dele de educação – disse o ministro da Educação, Abraham Weintraub.

O entrevistador continuou rebatendo ao afirmar que Paulo Freire tem título de honoris causa e o ministro lembrou que o Lula também possui diversos títulos, mas está preso.

LEIA TAMBÉM+ Em nota, MEC repudia atos de violência contra Weintraub
+ Globo mente, pede desculpas a ministro e tira vídeo do ar
+ Ministro da Educação ironiza presidente da UNE


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo