Leia também:
X TSE nega habeas corpus para ex-governador Anthony Garotinho

“Militar que opina sobre política deve ser punido”, diz Zé Dirceu

Petista condenado do mensalão citou países que tomaram a medida

Monique Mello - 17/07/2022 16h48 | atualizado em 18/07/2022 14h09

Zé Dirceu Foto: Reprodução/YouTube Opera Mundi

O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu (PT) disparou críticas contra a participação de militares na política brasileira. Ele defendeu que o militar deve sofrer punição quando emitir opinião sobre política.

– Militar quando opina sobre política tem que ser punido pelo comandante, seja o governador, seja o presidente da República. Não é possível – disse em entrevista ao jornalista Breno Altman, do Opera Mundi.

A entrevista, que foi ao ar em junho, teve o trecho resgatado por internautas neste fim de semana. Dirceu assinalou que os brasileiros devem “conter os avanços das Forças Armadas sobre a política”. Ele citou como exemplo países como Uruguai, Chile, Argentina, França e Estados Unidos, que recentemente afastaram para a reserva ou processaram militares autores de declarações ou ações políticas.

Membro fundador do PT, o ex-ministro deixou claro os esforços da chapa Lula-Alckmin contra atuação de militares.

– Ou é isso ou não há democracia, porque não pode haver uma disputa política entre os que estão com armas e o povo desarmado. A soberania popular é desarmada, se manifesta nas urnas – declarou.

Leia também1 TSE nega habeas corpus para ex-governador Anthony Garotinho
2 Fachin diz que não vai a reunião com Bolsonaro e embaixadores
3 "Manifesto que sou contra", diz Bolsonaro sobre prazo de Moraes
4 Carlos tem vídeo removido por "conteúdo prejudicial"; vídeo era da Globo
5 Lula responde após Anitta proibir PT de usar sua imagem

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.