Michelle Bolsonaro pode ser investigada pelo MP

Órgão considera apurar os dez cheques que Fabrício Queiroz afirmou ter pagado à primeira-dama

Pleno.News - 16/05/2019 11h08

Primeira-dama Michelle Bolsonaro Foto: Agência Senado/Geraldo Magela

A primeira-dama Michelle Bolsonaro pode se tornar alvo do Ministério Público. O órgão considera investigar a origem dos dez cheques que Fabrício Queiroz afirmou ter pagado à primeira-dama na devolução de um suposto empréstimo de R$ 40 mil que o presidente Jair Bolsonaro teria feito ao então assessor de Flávio Bolsonaro.

A quebra de sigilo bancário de Michelle ainda não foi solicitada pelo MP porque ampliaria muito o escopo dos alvos, composto por 95 pessoas e empresas.

– O foco neste momento é em três núcleos: o da loja de Flávio, o do gabinete e o familiar. Em um eventual desdobramento, a primeira-dama pode se tornar alvo – explicou um investigador à revista Época.

A Constituição não impede que Michelle Bolsonaro seja investigada por ser esposa do presidente do país.

LEIA TAMBÉM+ Flávio Bolsonaro desmente revista sobre seu patrimônio
+ Ministro da Educação ironiza deputados e gera reclamações
+ Carlos alerta: "O que está por vir pode derrubar o capitão"


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo