Leia também:
X Jair Bolsonaro chega a Brasília para reuniões com equipe

Marta Suplicy, ex-PT: “Mano Brown e Cid Gomes têm razão”

A senadora foi petista durante 33 anos e declarou que "Haddad não é PT"

Camille Dornelles - 13/11/2018 09h23

A senadora Marta Suplicy criticou o PT em entrevista Foto: Agência Brasil/Marcelo Camargo

A senadora Marta Suplicy (MDB-SP), que foi petista durante 33 anos de sua carreira política, afirmou que “o envolvimento na corrupção e a dificuldade de lidar com as questões da segurança” comprometeram o partido.

Na declaração, dadas em entrevista à Folha de S. Paulo nesta segunda-feira (12), Suplicy diz que concorda com Mano Brown e com o senador eleito Cid Gomes (PDT-CE).

– Houve o distanciamento da classe política com a população, o envolvimento na corrupção e a dificuldade em lidar com as questões da segurança. A eleição do Bolsonaro, uma pessoa com ideias opostas, é a consequência. Por isso eu acho que o Mano Brown tem razão. Ele colocou o PT, mas eu ampliaria para os políticos em geral (…) O Cid Gomes falou tudo certo, concordo plenamente – declarou.

A ex-ministra também criticou o candidato à Presidência derrotado no segundo turno. Ao ser perguntada sobre seu voto, porém, repetiu o slogan do movimento anti Bolsonaro.

– Haddad não é PT. Não é orgânico. Ele foi candidato porque não tinha outro nome. Na verdade, se prestou a um papel que, como o Lula devia saber, não ia dar certo. (…) (Mas) votei pela democracia. Ele não – revelou.

Leia também1 Fernando Haddad admite: 'Mano Brown tem toda a razão'
2 Em evento pró-Haddad, Brown detona PT: "Tem que perder"
3 Convidado de evento pró-Haddad, Cid Gomes detona PT

WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.