Leia também:
X Cantor Sérgio Reis recebe alta do hospital em SP, confirma equipe

Maior associação de PMs defende participação em atos do dia 7

Presidente da Anermb disse que haverá ressalvas

Monique Mello - 27/08/2021 15h14 | atualizado em 27/08/2021 15h57

Bolsonaro com policiais militares Foto: Agência Brasil/Marcelo Camargo

Em meio à polêmica sobre a participação de policiais militares nas manifestações marcadas para o dia 7 de setembro, a maior associação nacional de PMs autorizou que os agentes saiam às ruas, mas com ressalvas.

De acordo com o sargento Leonel Lucas, presidente da Associação Nacional de Entidades Representativas de Policiais Militares, Bombeiros Militares e Pensionistas Estaduais (Anermb), os policiais deverão estar desarmados e à paisana.

– Quem quiser participar que vá, democrática e pacificamente. Os ativos, que vão desarmados e não fardados. E que todos exerçam o seu poder de democracia que nós conquistamos com muita batalha – disse o sargento em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo.

A Anermb agrega 286 filiados entre aqueles que estão na ativa e aposentados, em 24 estados.

Na última segunda-feira (23), o coronel Alexander Lacerda foi afastado pelo governador de São Paulo João Doria, por usar as redes sociais para fazer convocações aos atos do dia 7 de setembro.

No mesmo dia, Homero Cerqueira, também coronel, mas da reserva, publicou um vídeo no Instagram enfrentando Doria e chamando outros policiais para comparecerem à Av. Paulista no feriado da Independência.

 

Leia também1 Policiais militares se organizam para atos de 7 de setembro
2 “Não haverá nada no dia 7 de setembro”, afirma Arthur Lira
3 MP abre inquérito para apurar apoio de coronéis a atos do dia 7 de setembro
4 Manifestantes ateiam fogo em caixão na frente da Presidência
5 Ana Paula Henkel: "A ruptura institucional já aconteceu"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.