Lula pede para STF anular julgamento do sítio no TRF-4

Manifestação foi enviada pela defesa do petista ao ministro Edson Fachin

Pleno.News - 02/12/2019 18h50

Ex-presidente Lula Foto: Reprodução

Nesta segunda-feira (2), a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF), que anule o julgamento do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) sobre o sítio em Atibaia. O petista foi condenado em segunda instância a mais de 17 anos de prisão.

A manifestação foi enviada ao ministro Edson Fachin, relator dos casos da Lava Jato na Corte.

No documento, os advogados afirmaram que tinham a possibilidade de apresentar recursos antes do julgamento da semana passada. Eles também apontaram que a análise do TRF-4 foi um “constrangimento ilegal” contra Lula.

A defesa ainda diz que o julgamento do ex-presidente teve preferência na segunda instância. “Por qual razão este processo específico mereceu atenção especial, e teve seu trâmite deliberadamente acelerado, ultrapassando mais de um milhar de outros recursos pendentes de julgamento pela ordem cronológica?” questionaram os defensores.

Não há um prazo para que Fachin se manifeste.

LEIA TAMBÉM+ Moro: "Lula faz parte do meu passado e do passado do país"
+ TRF-4 condena Lula e amplia pena por sítio em Atibaia


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo