Leia também:
X Fãs fazem vigília na porta do hospital onde está Paulo Gustavo

Lira cria comissão para analisar PEC do voto impresso auditável

Proposta é de autoria da deputada federal Bia Kicis

Henrique Gimenes - 04/05/2021 21h37 | atualizado em 04/05/2021 21h53

Deputada Bia Kicis diz estar evitando falar sobre o CCJ
Proposta é de autoria da deputada Bia Kicis Foto: Reprodução

Nesta terça-feira (4), o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), anunciou a criação de uma comissão especial que irá analisar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que trata do voto impresso auditável. A proposta é de autoria da deputada federal Bia Kicis (PSL-DF).

O texto foi apresentado pela parlamentar em 2019 e determina que “na votação e apuração de eleições, plebiscitos e referendos, seja obrigatória a expedição de cédulas físicas, conferíveis pelo eleitor, a serem depositadas em urnas indevassáveis, para fins de auditoria”.

A comissão terá 34 membros titulares e mais 34 suplentes.

Em suas redes sociais, Bia Kicis celebrou a decisão do presidente da Câmara.

– Mais um importante passo dado. Uma vitória parcial – escreveu.

Leia também1 Zambelli repassa "recado" do povo a Bolsonaro: 'Eu autorizo!'
2 Jair Bolsonaro defende o voto impresso auditável no Brasil
3 Eduardo B. ironiza incoerência da Justiça sobre voto impresso
4 STF decide arquivar notícia-crime contra Jair Bolsonaro
5 TSE compartilha com STF ações sobre campanha de Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.