Leia também:
X Allan enfrenta senador do PT: ‘Sirvo ao Brasil e não a partido’

Justiça suspende direitos políticos de Lindbergh Farias

Ex-senador foi condenado por improbidade administrativa

Gabriela Doria - 05/11/2019 17h11 | atualizado em 05/11/2019 17h44

Ex-senador Lindbergh Farias perde os direitos políticos por 5 anos Foto: Agência Brasil/Fabio Rodrigues Pozzebom

A 2ª Vara Cível de Nova Iguaçu determinou a suspensão dos direitos políticos do ex-senador Lindbergh Farias (PT-RJ) por cinco anos. O petista foi prefeito do município entre os anos de 2005 e 2010.

A Justiça condenou Lindbergh por atos de improbidade durante sua administração na cidade da Baixada Fluminense. Na ocasião, a prefeitura distribuiu remédios cujas embalagens tinham a logomarca da gestão do petista e não o brasão da cidade.

A Justiça entendeu o ato como improbidade administrativa porque a iniciativa visava a “promoção pessoal”.

Além de ter os direitos políticos suspensos, Lindbergh terá que pagar uma multa de 48 vezes a atual remuneração de prefeito.

Leia também1 Deputada federal pede rigor com sites de esquerda
2 Flávio Bolsonaro se diz a favor da prisão após 2ª instância
3 Dilma é acordada pela polícia para depor na Lava Jato

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.