Leia também:
X 44,5% das pessoas com Covid-19 no Brasil já se curaram

Justiça obriga Bolsonaro a mostrar exames para jornal

AGU diz que está recorrendo da decisão que obriga presidente a divulgar análises de Covid-19

Paulo Moura - 29/04/2020 08h32 | atualizado em 29/04/2020 08h33

Justiça ordenou que presidente mostre resultado dos exames de Covid Foto: PR/Isac Nóbrega

Uma decisão da Justiça Federal determinou que o presidente Jair Bolsonaro terá que mostrar o resultado de seus exames para diagnosticar a Covid-19 ao jornal Estado de São Paulo. Apesar do chefe do Executivo informar que as duas análises resultaram em negativo, a publicação insistiu no acesso ao documento através de ação judicial.

Na sentença, concedida pela juíza Ana Lucia Petri Betto, o presidente tem um prazo de 48 horas para fornecer o resultado de todos os exames que realizou. Caso descumpra a decisão, Bolsonaro terá que pagar multa de R$ 5 mil.

– No atual momento de pandemia que assola não só o Brasil, mas no mundo inteiro, os fundamentos da República não podem ser negligenciados, em especial quanto aos deveres de informação e transparência. Repise-se que ‘todo poder emana do povo’ (art. 1º, parágrafo único, da CF/88), de modo que os mandantes do poder têm o direito de serem informados quanto ao estado real de saúde do representante eleito – disse Ana Lucia na decisão.

A Advocacia-Geral da União, por sua vez, se posicionou contrária à divulgação dos exames sob o argumento de que a “intimidade e privacidade são direitos individuais”. O órgão ainda informou que está recorrendo da decisão.

Leia também1 Bolsonaro: "Nenhum ministro é dono de seu ministério"
2 Governo comprará 46 milhões de testes para coronavírus
3 Ministro da Educação garante realização do Enem 2020

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.