Leia também:
X Lula retira Brasil de declaração internacional contra o aborto

Após ironizar manifestantes do DF, juiz tem Twitter suspenso

"Não sei o motivo ainda, mas respeito a decisão", escreveu Luis Carlos Valois

Thamirys Andrade - 17/01/2023 15h53 | atualizado em 17/01/2023 18h00

Luis Carlos Valois Foto: Pedro França/Agência Senado

O juiz Luis Carlos Valois se tornou, nesta segunda-feira (16), mais um dos afetados pela suspensão de perfis no Twitter. O magistrado da vara de execução penal do Amazonas teve a conta retida devido a uma decisão judicial, segundo avisa a própria plataforma caso um internauta tente acessar o perfil.

Em nota publicada no Facebook, o magistrado afirmou desconhecer os motivos que levaram ao seu bloqueio; mas destacou que respeita a decisão e que não apresentará queixas. Por outro lado, ele disse que buscará que a situação seja solucionada de maneira justa.

– Não sei o motivo ainda, não fui intimado, mas até em respeito à decisão do CNJ, não me manifestarei nas redes mesmo com a conta ainda não bloqueada. Vocês não verão da minha parte nenhuma queixa ou acusação de pessoas. Se institucionalmente eu errei, que isso seja resolvido de forma justa – escreveu.

Ativo nas redes sociais, o juiz vinha fazendo postagens irônicas envolvendo a prisão de manifestantes que invadiram as sedes dos Três Poderes, em Brasília, no último dia 8. Ele chegou a sugerir aos detidos que solicitassem auxílio-reclusão para seus dependentes, além de remição, que consiste na diminuição da pena em um dia para cada três trabalhados.

– A remição é um instituto que, pelo trabalho, o preso diminui a pena. A cada três dias de trabalho diminui um dia de pena. Tem também a remição pela leitura de livro, regulamentada pelo CNJ, mas pelo perfil dos terroristas essa vai ser difícil de conseguir – escreveu.

Ainda não se sabe se esse tipo de publicação está ligada à suspensão de seu perfil.

Leia também1 Pastora Daniela Linhares relata perseguição: "Indignada"
2 Auxílio-reclusão vai a R$ 1.302 e se iguala ao salário mínimo
3 Grávida morre após monitor cair em sua cabeça em ambulância
4 Mulher suspeita de organizar e financiar atos se entrega à PF
5 Assista à reação de Suzane von Richthofen ao deixar a prisão

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.