Leia também:
X Bolsonaro assina MP com R$ 450 milhões para ajudar áreas atingidas por desastres

Juiz dá 72 horas para Bolsonaro explicar troca na Petrobras

Magistrado pediu que chefe do Executivo explique a indicação do general Joaquim Silva e Luna para presidente da estatal

Paulo Moura - 23/02/2021 07h45 | atualizado em 23/02/2021 09h57

Presidente Jair Bolsonaro Foto: PR/Alan Santos

O juiz André Prado de Vasconcelos, da 7ª Vara da Justiça Federal da 1ª Região, em Belo Horizonte (MG), determinou que o presidente Jair Bolsonaro, a União e a Petrobras expliquem, no prazo de 72 horas, a indicação do general Joaquim Silva e Luna para presidente da estatal. O anúncio da indicação do novo gestor foi feito pelo chefe do Executivo na última sexta-feira (19).

A sentença do juiz federal foi motivada por um pedido de liminar feito pelos advogados Daniel Perrelli Lança e Gabriel Senra para impedir a saída do atual presidente e a posse do general. Lança alegou que o presidente estaria constrangendo o Conselho de Administração da empresa.

– Houve um desrespeito à lei das estatais, atropelando a decisão, que é do conselho da empresa. Tanto no mérito quanto na forma há irregularidades nesta indicação. O general não cumpre os requisitos determinados pela lei – disse o advogado.

Na decisão, o juiz Vasconcelos diz que “conforme amplamente divulgado pelos veículos de comunicação, a aprovação do indicado para a Presidência da Petrobras depende de deliberação do respectivo Conselho de Administração, ainda não ocorrida”.

O magistrado destaca que a determinação é “para fins de análise do pedido de liminar, sem prejuízo de futura citação e consequente abertura de prazo para contestação”.

Há a expectativa de que a liminar seja analisada ainda esta semana. A Advocacia-Geral da União (AGU) disse que “não comenta processos em tramitação judicial”.

Leia também1 Bolsonaro assina MP com R$ 450 milhões para ajudar áreas atingidas por desastres
2 Daniel Silveira teria gravado conversas com Bolsonaro e Maia
3 Bolsonaro reclama de home office do presidente da Petrobras
4 Damares anula mais de 120 benefícios a anistiados políticos
5 Saiba quanto custa um ministro do STF aos cofres públicos

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.