Leia também:
X Bolsonaro volta a criticar carta da USP durante evento no DF

Jornalista sobre leitura de carta na USP: “Pouquíssima gente”

Barbara Gancia escreveu ainda que Bolsonaro "periga ganhar" as eleições

Pleno.News - 12/08/2022 14h47 | atualizado em 12/08/2022 15h20

Ato de leitura da carta em defesa da democracia, na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP) Foto: EFE/ Fernando Bizerra

A jornalista Barbara Gancia usou as redes sociais para se manifestar a respeito do ato de leitura da carta em defesa da democracia, ocorrido na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP). Ela postou uma fotografia e disse que voltou pessimista do Largo de São Francisco.

Na publicação, Gancia disse que o ato contou com “pouquíssima gente” e apontou a presença de apenas “os mesmos intelectuais de ideias mofadas de sempre”. Ela destacou ainda que havia “zero vibração”.

– Volto pessimista do ato no Largo S. Francisco. Pouquíssima gente, média de idade, a minha, pouquíssimos jovens, os mesmos intelectuais de ideias mofadas de sempre e zero vibração. Se uma causa dessa gravidade não empolga a esta altura é por que a democracia sangra e Bozo periga ganhar – escreveu a jornalista, no Twitter.

As declarações foram questionadas por alguns usuários da rede social, que apontaram outras fotos que mostram o local repleto de gente. Barbara disse a um deles que estava passando o que viu “de forma honesta e fidedigna”.

– Eu estou te passando o que eu vi de forma honesta e fidedigna. Me dei o trabalho de ir até lá e de escrever uma p**** de um tuíte para benefício de quem deseja saber. Se você prefere não confiar, fica à vontade. Aliás, pode parar de me seguir e ir encher o saco de outra pessoa! – rebateu.

Leia também1 "Carta pela democracia foi lida na micareta do PT"
2 PT avalia pagar Auxílio apenas para vacinados, caso Lula vença
3 Moraes divulga ações que foram suspensas por André Mendonça
4 Posse de Moraes no TSE pode ter presenças de Bolsonaro e Lula
5 Ministério Público segue o STF e deve pedir aumento de 18%

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.