Leia também:
X Ciro Nogueira recebe Alckmin, Mercadante e Gleisi nesta quinta

Jorge Messias, o Bessias, deve fazer parte da transição de Lula

Nome de Messias ficou famoso por episódio ocorrido em 2016, quando Dilma telefonou para Lula

Pleno.News - 03/11/2022 09h04 | atualizado em 03/11/2022 10h19

Dilma Rousseff e Lula Foto: PT/Ricardo Stuckert

O procurador da Fazenda Nacional Jorge Rodrigo Araújo Messias, o Bessias, deverá ser o coordenador jurídico do governo de transição de Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A ideia é que ele trabalhe subordinado ao vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin (PSB). Depois da posse, Messias é cotado para comandar a Advocacia-Geral da União (AGU).

O servidor ficou conhecido em março de 2016, quando o então juiz Sérgio Moro tornou público um grampo telefônico de uma conversa entre Lula e a presidente Dilma Rousseff (PT). Na gravação, Dilma disse a Lula: “Seguinte, eu ‘tô’ mandando o Bessias junto com o papel”.

À época, Moro interpretou a conversa como uma tentativa de Lula para ganhar prerrogativa de foro como ministro e se livrar de um eventual pedido de prisão. O episódio resultou em denúncia, depois foi arquivada por falta de provas. Procurado, Messias disse que “não há nada definido” sobre sua participação no novo governo, e que não recebeu qualquer convite.

*AE

Leia também1 Ciro Nogueira recebe Alckmin, Mercadante e Gleisi nesta quinta
2 Bloqueios em rodovias caem para 86 nesta quinta, diz PRF
3 Polícia prende motorista que atropelou manifestantes em SP
4 Cássia Kis ajoelha e reza em ato diante do Comando Militar no RJ
5 MPF pede abertura de inquérito contra chefe da PRF

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.