Leia também:
X PF apresenta laudo sobre causa do incêndio no Museu

João Amoêdo se diz mais preparado que Bolsonaro

Ex-candidato à Presidência ainda criticou viagem de Bolsonaro a Israel

Rafael Ramos - 04/04/2019 13h28 | atualizado em 04/04/2019 15h50

João Amoêdo criticou governo de Jair Bolsonaro Foto: Reprodução

Derrotado no primeiro turno das eleições de 2018, o ex-candidato à Presidência e fundador do Partido Novo, João Amoêdo, participou do programa Morning Show, da Rádio Jovem Pan, desta quinta-feira (4). Durante o programa, Amoêdo criticou o governo de Jair Bolsonaro. Para o banqueiro, o presidente tem perdido tempo com assuntos menos relevantes para o país ao invés de cuidar da reforma da Previdência.

– Eu acho que seria melhor gestor do que ele por questão de preparo, de equilíbrio e por própria experiência de gestão. Não entro nos aspectos políticos porque acho que a experiência dele no Congresso, apesar de ser muito longa, não foi uma experiência muito rica em negociação, como estamos vendo agora na dificuldade de aprovar a Previdência.

João Amoêdo responsabilizou Bolsonaro pelos problemas em seu governo e o aconselhou a abandonar as polêmicas e focar no que é importante para o crescimento do país. Ele ainda classificou a viagem do presidente a Israel como um equívoco.

– Israel é um país sensacional, temos muito a aprender com eles, mas agora não é a hora, ele tem que definir as prioridades. Ficou claro ontem na discussão do Paulo Guedes que ele precisa de ajuda dos partidos que defendem a reforma da Previdência, precisa do endosso constante do presidente. A gente está perdendo tempo.

Sem mirar uma possível candidatura em 2022, Amoêdo pretende consolidar o Partido Novo e fazer dele uma instituição.

Leia também1 "Deu choque de realidade", diz Bolsonaro sobre Guedes
2 Jean Wyllys critica primeiros meses do governo Bolsonaro
3 Deltan Dallagnol pode assumir o comando da PGR

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.