Leia também:
X Gestão de Fátima Bezerra é alvo da PF por corrupção na Saúde

Jefferson sugere que Bolsonaro jogue “fora das quatro linhas”

Presidente do PTB está preso em Bangu 8, no Rio de Janeiro

Gabriela Doria - 25/08/2021 18h33 | atualizado em 25/08/2021 18h48

Presidente nacional do PTB Roberto Jefferson incitou Jair Bolsonaro Foto: Agência Brasil/Valter Campanato

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, preso pela Polícia Federal a mando do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, divulgou através de aliados um texto em que sugere que o presidente Jair Bolsonaro jogue “fora das quatro linhas” da Constituição. Jefferson fez uma analogia entre a política e o futebol.

– O primeiro tempo do jogo foi jogado dentro das ‘quatro linhas’. Agora, para a grande vitória do ‘Canarinho’, deve ser jogado em todos os cantos do estádio, limpando as arquibancadas, as cadeiras cativas e, principalmente, os camarotes – afirmou o presidente do PTB em um comunicado em que se autointitula “preso político”.

O ex-deputado afirmou ainda que Bolsonaro “não é uma ameaça de ruptura às instituições”, mas a própria ruptura.

– Bolsonaro é a ruptura. Quem o aconselha à moderação erra. Ele não pode recuar. Ele sintetiza o sonho de um país honesto e honrado da grande maioria da nossa população – pontuou no texto.

Jefferson disse ainda que o presidente tem uma “missão especial”, que, segundo ele, “é liquidar com as chances de os agentes da elite do Estado voltarem a delinquir e rapinar.

Roberto Jefferson está preso em Bangu 8, no Rio de Janeiro, desde o dia 13 deste mês. Ele é investigado pelo Supremo Tribunal Federal por supostamente integrar uma organização criminosa digital que atenta contra a democracia e prega o fim das Instituições.

Leia também1 "Estão prendendo quem Moraes quer", afirma Eduardo Bolsonaro
2 317 advogados contrariam OAB e fazem nota de apoio a Bolsonaro
3 Pastores fazem 'mega chamado' para ato no dia 7 de setembro
4 Bolsonaro ironiza: 'Conspirando para que cumpram Constituição'
5 Jair Bolsonaro acusa STF de fazer "censura" e "caça às bruxas"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.