Leia também:
X Doria fará viagens pelo Brasil para tentar reduzir rejeição

Jair Bolsonaro grava vídeo e pede votos para Mendonça no STF

Sabatina do ex-AGU está marcada para a próxima quarta-feira

Henrique Gimenes - 29/11/2021 17h10 | atualizado em 29/11/2021 18h10

André Mendonça foi indicado ao STF pelo presidente Jair Bolsonaro Foto: Isac Nóbrega/PR

Após meses de espera, a sabatina de André Mendonça para uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF) ocorrerá nesta semana. E, em apoio ao seu indicado, o presidente Jair Bolsonaro gravou um vídeo pedindo aos senadores que votem em seu ex-advogado-geral da União (AGU). A informação foi dada pela coluna de Igor Gadelha, do portal Metrópoles.

Mendonça foi indicado por Bolsonaro em julho para ocupar a vaga deixada pelo ministro Marco Aurélio de Mello no STF. Mas, desde então, seu nome não passou pelo primeiro passo para ingressar na Corte, já que o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente da CCJ, ainda não havia definido a data da sabatina. Na semana passada, no entanto, o senador acabou “cedendo” e marcou o procedimento para a próxima quarta-feira (1º).

No vídeo, Bolsonaro disse esperar que o nome de Mendonça seja aprovado no Supremo e desejou boa sorte ao ex-AGU.

– A todos os brasileiros, chegou a hora. Em menos de 48 horas, se Deus quiser, o nome do André Mendonça será sabatinado no Senado Federal. Espero, obviamente, que seja aprovado e [que] tenhamos, então, um representante de todos nós dentro do Supremo Tribunal Federal. André, boa sorte! Senhores senadores, a gente pede de coração que aprovem o nome dele. Obviamente será sabatinado, mas temos o entendimento [de] que ele está habilitado para exatamente exercer essa função – afirmou o presidente.

Leia também1 Alcolumbre marca sabatina de Mendonça para 1º de dezembro
2 Eliziane Gama será relatora da indicação de Mendonça ao STF
3 STF: Sóstenes Cavalcante fala em 'guerra santa' por Mendonça
4 Alcolumbre se diz "ofendido e triste" por cobranças de sabatina
5 Mendonça convoca evangélicos para garantir votos no Senado

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.