Leia também:
X Após EUA, Jair Bolsonaro se prepara para viagem ao Chile

Inep avalia Enem para barrar ideologia de gênero

Provas deste ano acontecem nos dias 3 e 10 de novembro

Jade Nunes - 20/03/2019 11h55 | atualizado em 20/03/2019 12h35

Inep avaliará previamente as questões do Enem Foto: Agência Brasil/Marcelo Camargo

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) criou uma comissão para fazer uma “leitura transversal” das questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

A intenção do órgão é “verificar a sua pertinência com a realidade social” e excluir temas que envolvam ideologia de gênero. Em 2018, o presidente Jair Bolsonaro criticou o conteúdo da prova e disse que tomaria conhecimento das perguntas antes da aplicação do teste.

Em comunicado, o Inep explicou que as questões consideradas “dissonantes” serão “separadas para posterior adequação, testagem e utilização, se for o caso”.

As pessoas responsáveis dentro da comissão terão dez dias, a partir desta quarta-feira (20), para concluir a avaliação e emitir uma recomendação do exame.

Após essa fase, o diretor da Avaliação Básica dará outro parecer sobre as considerações da comissão. O presidente do Inep, Marcus Vinícius Rodrigues, ficará com a decisão final.

As provas deste ano acontecerão nos dias 3 e 10 de novembro.

Leia também1 Após EUA, Jair Bolsonaro se prepara para viagem ao Chile
2 Aluno é detido e confessa que planejava matar colegas
3 Chefe do tráfico Pabllo Vittar é preso no Rio de Janeiro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.