Leia também:
X Soraya Thronicke confunde uso de gíria, viraliza e se explica

Haddad: “Não há motivo para o mundo se preocupar com Brasil”

Ministro está em Davos em razão do Fórum Econômico Mundial

Thamirys Andrade - 18/01/2023 11h59 | atualizado em 18/01/2023 12h23

Fernando Haddad, futuro ministro da Fazenda Foto: PT/Marlene Bergamo

Em conversa com jornalistas em Davos, nesta quarta-feira (18), o ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), disse que não há motivos para que o mundo se preocupe com o Brasil, tanto sob o aspecto econômico quanto com o democrático. O petista está na Suíça para participar do Fórum Econômico Mundial.

– Não há nenhuma razão para o mundo ter preocupação com o Brasil. Nem sob o ponto de vista da democracia, que vem respondendo aos ataques com a dose certa e legal. O mundo todo está sob vigilância eterna. Existe uma onda extremista no mundo. Isso precisa ser contido institucionalmente – defendeu ele.

Ele ainda acusou o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) de despertar “paixões irreconciliáveis com a democracia”. A declaração ocorreu após o ministro ser questionado sobre as invasões às sedes dos Três Poderes, em Brasília.

Ainda, o ministro defendeu que o governo Lula precisa estar atento a possíveis “surpresas” por parte de manifestantes.

– Acredito que há possibilidade de surpresas, porque são células que se organizam muito rapidamente com um princípio estabelecido pela narrativa do ex-presidente [Jair Bolsonaro], que despertou paixões irreconciliáveis com a democracia. Isso não é democracia – disse.

Na avaliação do ministro, sua participação no Fórum em Davos ajudou a passar uma “mensagem que atenua” o que chamou de “estresses infundados” por parte de outros países em relação ao Brasil.

Leia também1 Haddad fala em boicote a empresas por questões ideológicas
2 Advogado de Torres: “Não há chance de delação premiada"
3 Juíza substitui prisão de Cabral por recolhimento noturno
4 Cadeia: Torres recebe advogado e atendimento psicológico
5 Assessoria de Janja nega que ela tenha contratado arquiteto

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Canal
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.