Haddad acusa Bolsonaro de ser mais ‘enrolado’ do que o PT

Ex-ministro agora é responsável por fiscalizar ações do governo para o partido

Pleno.News - 11/02/2019 12h06

Fernando Haddad critica família Bolsonaro em festa de aniversário do PT Foto: EFE/Sebastião Moreira

O candidato derrotado do PT nas Eleições 2018, Fernando Haddad, discursou no sábado (9) durante a festa de aniversário de 39 anos do partido. Em sua fala, atacou o presidente Jair Bolsonaro e seus filhos Eduardo, Flávio e Carlos.

Ele afirmou que eles são “enrolados” em escândalos e acusou o eleito de tê-lo vencido nas urnas apenas por causa da propagação de fake news.

– Se não fossem as fake news, perdiam a quinta eleição (partidos de direita desde FHC) e vêm dizer que ganharam? Colocaram uma família no poder que está mais enrolada em 30 dias do que esse partido em 39 anos. Não conseguem explicar nada e continuam fazendo o que fizeram desde a campanha, fugindo do debate. Não têm o que explicar – atacou.

Haddad, que atualmente chefia o recém-criado Núcleo de Acompanhamento de Políticas Públicas dentro do PT, que analisa ações do governo, reiterou os tradicionais discursos do partido: inocência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, impeachment sem provas de Dilma Rousseff e despreparo de Bolsonaro.

Aos petistas, criticou todos os projetos anunciados nos últimos 40 dias.

– Ganharam para quê? Para apresentar em 30 dias o projeto mais atrasado ao povo brasileiro em todas as áreas? Na saúde, na educação, na segurança… Os projetos anunciados jogam o Brasil 30, 40, 100 anos para trás. Isso não é uma vitória – desferiu.

LEIA TAMBÉM+ "Não sei o que levou Gleisi a Caracas", diz Haddad
+ PT convoca ato por 'Lula livre' mas menos de 500 participam
+ Haddad teve mais votos do que Bolsonaro entre presos


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo