Leia também:
X Justiça suspende investigação policial contra Felipe Neto

Guedes sobre Mandetta: “Saiu do Congresso com R$ 5 bi no bolso”

Ministro diz que as vacinas já poderiam ter sido compradas desde a gestão Mandetta

Monique Mello - 18/03/2021 13h51 | atualizado em 18/03/2021 14h22

Guedes diz que o governo Federal liberou recursos na gestão de Mandetta
Guedes diz que o governo Federal liberou recursos na gestão de Mandetta Foto: Montagem/Reprodução

Nesta quarta-feira (17), em uma entrevista concedida à CNN Brasil, o ministro da Economia, Paulo Guedes, falou sobre as ações que o governo vem planejando para combater os efeitos da pandemia na economia nacional. Para o ministro, a responsabilidade pela atual crise sanitária no Brasil é coletiva e vem desde à gestão ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

– É muito fácil atribuir [a responsabilidade] a A ou a B. Nós temos que responder a essa crise coletivamente – disse.

Quando confrontado pelo jornalista pelo fato de “nunca ter faltado dinheiro”, o ministro confirmou, revelando que uma alta verba foi liberada logo no início da pandemia, enquanto Mandetta estava com a pasta da saúde.

– Não adianta as pessoas quererem subir em cadáveres para fazer política. No primeiro dia [da oficialização da pandemia], demos R$ 5 bilhões, e o ministro ainda era o Mandetta. Ele saiu do Congresso com R$ 5 bilhões no bolso. É desde aquela época que deveríamos estar comprando vacina, não é mesmo? O dinheiro estava lá – disse ele.

Guedes também foi incisivo ao analisar o posicionamento de cada segmento:

– Era possível ter sido mais rápido? Sim. Era possível que a mídia fosse mais construtiva? Era possível que os governadores ajudassem também? O dinheiro foi para os estados. Então, por que os leitos foram desativados? Pois, todos nós, achávamos que a pandemia estava indo embora – declarou.

 

Leia também1 Guedes discute com CCJ sobre reforma administrativa
2 Paulo Guedes: 'Já queria ter me vacinado, acho ótimo'
3 Guedes diz que Bolsonaro é um "fenômeno político"
4 Feliciano sobre Ludhmila: "Nos livramos de um novo Mandetta"
5 "Dr. Queiroga reza pela mesma cartilha", afirma Pazuello

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.