Leia também:
X Rodrigo Pacheco adia sessão que instalaria CPMI do 8 de janeiro

Governo Lula gastou mais com publicidade que Bolsonaro

Durante seus primeiros dois mandatos, o petista gastou quase R$ 10 bilhões com propaganda

Leiliane Lopes - 18/04/2023 14h54 | atualizado em 18/04/2023 16h20

Lula Foto: Ricardo Stuckert/PR

O governo Lula não está economizando quando o assunto é investir em propaganda. Para a campanha dos 100 dias de governo foram gastos R$32 milhões apenas com emissoras de TV.

Esse valor é maior do que os R$ 25,4 milhões gastos pelo ex-presidente Jair Bolsonaro nos primeiros quatro meses de governo. O valor gasto, porém, não se refere apenas a uma campanha, mas sim para três, sendo uma para anunciar programas de apoio para vítimas das chuvas em Minas Gerais, outra para divulgar a antecipação do Bolsa Família para vítimas do rompimento da barragem em Brumadinho (MG) e outra para promover a Reforma da Previdência.

A Secretaria de Comunicação do petista investiu principalmente na Rede Globo para falar sobre as primeiras ações de Lula. A emissora da família Marinho recebeu R$ 11,6 milhões. Em segundo lugar ficou o SBT que recebeu R$ 9,8 milhões pelas inserções.

Mesmo sem ter apoiado a candidatura de Lula, a Rede Record, liderada por Edir Macedo, ficou com R$ 6,6 milhões, a Band com R$ 3,7 milhões e a Rede TV! com R$ 854 mil.

EM OITO ANOS, LULA GASTOU QUASE R$ 10 BILHÕES
Durante seus dois primeiros mandatos (2003-2010), Lula gastou quase R$ 9,3 bilhões com publicidade, os dados foram divulgados pela Secretaria de Comunicação Social (Secom).

Apenas em 2010, o governo federal gastou R$ 1,1 bilhão, o que representa em média R$ 3 milhões por dia, apenas para divulgar os atos do governo.

Leia também1 Rodrigo Pacheco adia sessão que instalaria CPMI do 8 de janeiro
2 "Não vamos transformar escolas em prisão", declara Lula
3 Após críticas, Haddad diz que vai recuar de taxar Shein e Shopee
4 Eula Cris lança single e clipe Tudo Tem Seu Tempo
5 Tebet garante ajuste do mínimo em 2024, mas não fala em valor

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.