Leia também:
X Nunes Marques é relator de ação de Bolsonaro contra Lula e Gleisi

Governo edita decreto de Lei sobre privacidade de dados

Hipóteses de acesso aos bancos de dados devem ser divulgadas

Pleno.News - 28/11/2022 17h56 | atualizado em 28/11/2022 18h08

Governo muda decreto sobre privacidade na Lei Geral de Proteção de Dados Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (PL) editou um ato para assegurar o respeito à privacidade dos cidadãos no compartilhamento de dados na administração pública federal. De acordo com a Subchefia de Assuntos Jurídicos da Presidência, a medida altera o Decreto 10.046 de 2019 para deixar claro que a preservação da intimidade e o tratamento de dados com propósitos legítimos devem seguir a Lei Geral de Proteção de Dados.

O texto diz que o compartilhamento de dados pessoais deve ser utilizado para atendimento de finalidade que siga parâmetros constitucionais e que as hipóteses de acesso a bancos de dados sejam divulgadas publicamente.

– Deixa-se claro que o tratamento de dados pessoais pelos órgãos e pelas entidades está sujeito ao atendimento dos parâmetros legais e constitucionais e importará a responsabilidade civil do Estado pelos danos suportados pelos particulares – informou órgão.

O ato também impede que o Cadastro Base do Cidadão seja utilizado para vigiar a vida privada de cidadãos sem consentimento prévio. Além disso, o Comitê Central de Governança de Dados passará a contar com representantes do Senado, Câmara dos Deputados e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

*Agência Brasil

Leia também1 Senado fará audiência que terá argentino que questionou urnas
2 Exército escolhe novos blindados e deve comprar 98 carros
3 Marcos do Val reclama de salário e diz que não irá se corromper
4 Apagão de larga escala derruba sistemas de informações da PRF

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.