Leia também:
X No RJ, passageiro é morto a tiros dentro de vagão da SuperVia

Governo apresenta os novos modelos de passaporte e do RG

A Carteira de Identidade Nacional (CIN) começará a ser emitida no país em agosto

Henrique Gimenes - 27/06/2022 21h40 | atualizado em 28/06/2022 09h51

O ministro da Justiça, Anderson Torres, participa de cerimônia de emissão da nova carteira de identidade nacional e do lançamento do novo passaporte Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil

O governo federal apresentou, nesta segunda-feira (27), os novos modelos de carteira de identidade e de passaporte. O novo documento de viagens será temático, e segundo o Ministério da Justiça e Segurança Pública, a proposta é se tornar um cartão de visitas do cidadão brasileiro para o mundo.

Elaborado com mais tecnologia antifraude, o modelo quer “homenagear todas as regiões do Brasil por meio de ícones representativos dos biomas e da cultura de cada local”, explicou o governo, em nota.

A capa do documento terá uma nova estilização da bandeira nacional e o nas páginas internas haverá uma quantidade maior de marcas d’água.

– Outra novidade do novo modelo são os fundos invisíveis fluorescentes. Antes, apenas o número da página variava sob exposição UV. A nova versão apresenta sete composições diferentes. A página de identificação também foi atualizada, apresentando uma imagem fantasma da foto do cidadão em preto e branco, além de uma imagem da foto formada por dados biométricos do portador. Essas informações são protegidas por um laminado de segurança – informou o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres.

O novo passaporte começará a ser emitido pela Casa da Moeda em setembro, data em que se comemora o bicentenário da Independência do Brasil, e o governo garante que não haverá alteração nos valores de emissão. Ele continuará custando R$ 275,25 na versão convencional e o prazo de validade será de dez anos.

Presidente Jair Bolsonaro participou de cerimônia de emissão das novas carteiras de identidade nacional e do lançamento do novo passaporte Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil

EMISSÃO DA CARTEIRA DE IDENTIDADE NACIONAL
Já a Carteira de Identidade Nacional (CIN), substituta do RG, traz um QR Code que pode ser lido de forma rápida por qualquer cidadão. Ela será emitida em todo o país a partir de 4 de agosto e a substituição do documento atual, que vale até 2032, será paulatina e gratuita.

Segundo as autoridades, o QR Code permitirá a identificação mais precisa da autenticidade do documento e saber se ele foi furtado ou extraviado.

– A partir dessas mudanças, a Identidade será o documento mais seguro do Brasil e um dos mais seguros do mundo – explicou o Ministério da Justiça e Segurança Pública.

O presidente Jair Bolsonaro participou da cerimônia no Palácio do Planalto e entregou as primeiras unidades da CIN que foram emitidas pelos estados que participam do projeto-piloto. Anderson Torres recebeu simbolicamente seu novo documento.

Além da versão física, a CIN também será emitida na versão digital, que poderá ser obtida pelo aplicativo Gov.Br.

– Eu chamo isso de desburocratização. Você pode esquecer muita coisa hoje em dia em casa, mas não o aparelho celular – afirmou Bolsonaro.

A CIN terá um modelo único independentemente do estado em que for produzida. Por enquanto, apenas moradores de Acre, Pernambuco, Goiás, Distrito Federal, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul poderão pedir o novo documento. Nas demais unidades da federação o novo modelo estará disponível até março de 2023.

– A nova identidade e o passaporte mostram que o Brasil está na direção do aprimoramento tecnológico, modernidade e cidadania – disse Torres.

O presidente Jair Bolsonaro entregou a nova CIN ao ministro Paulo Guedes Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil

*AE

Leia também1 Janaina sobre Braga Netto: "Presidente deveria repensar"
2 "Bolsonaro não se vende para a imprensa", diz Carla Cecato
3 Bolsonaro avisa que a Petrobras terá uma “nova dinâmica”
4 Pesquisa aponta Sergio Moro na liderança ao Senado pelo Paraná
5 Vice-governadora de SC rebate reportagens sobre Bolsonaro ter pedido para ela se afastar

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.