Leia também:
X Ministro da Defesa pede cédula de papel como “votação paralela”

Gol suspende parceria com Veja após exemplar contra Bolsonaro

Decisão consta em um comunicado enviado pela companhia aérea ao senador Flávio Bolsonaro

Pleno.News - 14/07/2022 16h59 | atualizado em 14/07/2022 17h42

Gol suspende parceria com Veja após exemplar contra Bolsonaro Foto: Reprodução/Print de vídeo YouTube GOL Linhas Aéreas Inteligentes

Nesta quarta-feira (13), a Gol Linhas Aéreas decidiu suspender uma parceria com a Editora Abril após a distribuição de exemplares da revista Veja com uma manchete contra o presidente da República Jair Bolsonaro (PL). O anúncio da companhia aérea surgiu após uma crítica do senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), que questionou a distribuição das revistas em um balcão da Gol.

Em nota, a companhia aérea disse lamentar o ocorrido. Na capa da revista havia uma foto de Bolsonaro e a manchete Perigo à Vista.

– Lamentamos profundamente o ocorrido. As ações promocionais da GOL não têm qualquer viés político. A parceria de distribuição de revistas com Ed. Abril, hoje suspensa, não abrange editorial ou escolha de notícias. A GOL segue trabalhando pelo desenvolvimento do Brasil – disse a empresa.

À Folha de S.Paulo, a companhia explicou que, em maio, tinha feito uma parceria com a Editora Abril para a distribuição gratuita da Veja, por tempo limitado e em caráter experimental.

– A parceria se encerrou nesta semana. Em nenhum momento a companhia participou da definição do conteúdo editorial da revista, assim como da escolha de notícias – esclareceu a Gol.

Leia também1 Bolsonaro sobre juízes eleitorais: “Cúmulo do extremismo”
2 "Jamais seremos revisores de eleições", diz ministro da Defesa
3 Janaina: “Com ou sem apoio, sigo pré-candidata ao Senado”
4 STJ restabelece direitos políticos de Anthony Garotinho
5 Felipe Santa Cruz desiste de se candidatar a governador do RJ

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.