Leia também:
X Pabllo Vittar diz que usará sua força para eleger Lula em 2022

Fux tenta “destravar” sabatina e liga para Pacheco e Alcolumbre

André Mendonça foi indicado ao STF, por Bolsonaro, em julho

Monique Mello - 20/09/2021 13h33 | atualizado em 20/09/2021 14h07

Presidente do Supremo Tribunal Federal Luiz Fux Foto: STF/Fellipe Sampaio

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, decidiu intervir na aceleração da sabatina de André Mendonça no Senado.

De acordo com o colunista Igor Gadelha, do Metrópoles, Fux entrou em contato tanto com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), quanto com o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), para pedir que análise da indicação seja pautada logo.

Ex-advogado-geral da União, Mendonça foi indicado em julho pelo presidente Jair Bolsonaro para ocupar a vaga deixada pelo ministro Marco Aurélio de Mello no STF. Mas, desde então, seu nome não passou pelo primeiro passo para ingressar na Corte, a sabatina. Alcolumbre, o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, é a pessoa que deveria marcar a sabatina, mas está protelando.

O ministro Luís Barroso também teria participado da intervenção, mas apenas com Alcolumbre. Fux e Barroso alegam que o Supremo está com um ministro a menos há mais de dois meses, o que prejudica os julgamentos.

 

Leia também1 Feliciano critica Alcolumbre por 'atrasar' sabatina de Mendonça
2 Lewandowski é sorteado para analisar pedido por sabatina
3 Pacheco diz esperar sabatina de Mendonça "o quanto antes"
4 Bolsonaro mantém Mendonça para o STF: "É ele até o final"
5 Em espera por sabatina, André Mendonça diz ter 'paciência'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.