Leia também:
X Bolsonaro anuncia licitação para levar água a 4,7 mi de cearenses

Frias nega relação da campanha ‘Respeitável Circo’ com a CPI

Secretário de Cultura afirmou que valoriza "demais os valorosos artistas do circo para tratá-los de forma depreciativa"

Henrique Gimenes - 20/10/2021 16h13 | atualizado em 20/10/2021 18h02

Secretário Especial de Cultura, Mario Frias Foto: MTur/Roberto Castro

Nesta quarta-feira (20), o secretário especial de Cultura, Mário Frias, negou que a campanha Respeitável Circo, lançada pelo governo, tenha alguma relação com a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid. Em uma publicação nas redes sociais, Frias também aproveitou para alfinetar a CPI.

O secretário rebateu uma matéria publicada pelo site Poder 360, que associou o lançamento da campanha à leitura do relatório final da comissão. A iniciativa do governo tem por objetivo promover ações nas áreas de saúde, cultura, educação, direitos humanos e assistência social com foco na população circense itinerante no Brasil.

– Não há qualquer relação da campanha Respeitável Circo e a CPI. Valorizamos demais os valorosos artistas do circo para tratá-los de forma depreciativa – explicou o secretário de Cultura.

Leia também1 Hang faz propaganda da Havan com foto da CPI: Circo de ofertas
2 Flávio Bolsonaro critica Renan: "Tem uma ejaculação precoce"
3 Queiroga: "Não sou comentarista de relatório. Eu sou ministro"
4 Barroso sobre CPI: Acusações são 'mais políticas do que jurídicas'
5 CPI: Barros processará senadores que votarem a favor do relatório

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.