Leia também:
X Doria: “Vou fazer de tudo para o país derrotar vocês petistas”

Flávio Bolsonaro defende a reeleição de seu pai em 2022

Senador eleito também elogiou escolhas para futuros ministros

Camille Dornelles - 04/12/2018 11h59 | atualizado em 04/12/2018 12h34

Flávio Bolsonaro defende futuro governo na GloboNews Foto: Reprodução

O senador eleito Flávio Bolsonaro, filho do presidente eleito Jair Bolsonaro, concedeu uma entrevista à GloboNews nesta segunda-feira (3). Quando foi perguntado sobre sua aposta para 2022, Flávio Bolsonaro defendeu que seu pai é, “por enquanto”, o melhor nome.

Flávio Bolsonaro afirmou que seu pai foi eleito como grande forma de protesto do eleitorado, mas que seu governo irá agradar e levá-lo a uma reeleição.

– A classe política (anterior) fez muita força para a degradação que levou a população a dar seu voto, sim, de protesto naqueles que enxergaram como alguém de fora da política, apesar de estar na política há muito tempo – afirmou.

MINISTROS ESCOLHIDOS
Flávio Bolsonaro também falou sobre os futuros ministros e equipes de gabinete. Ao ser perguntado sobre as equipes dos futuros ministros Sérgio Moro e Paulo Guedes, defendeu que a dupla tem ajudantes tão bons quanto eles.

– As equipes que estão com esses dois são de pessoas altamente qualificadas. Se o Paulo Guedes quiser curtir férias até o final da sua vida, haverá alguém preparado para manter o que ele está inaugurando. O Moro, da mesma forma (…). Além de ser competente, traz essa marca de intolerância com a corrupção. O combate à corrupção vai se dar de uma forma muito mais acelerada. O Moro vai ser uma surpresa ainda melhor para a população – afirmou.

Flávio Bolsonaro também elogiou muito o general Santos Cruz, futuro secretário de Governo, e Onyx Lorenzoni, futuro ministro da Casa Civil. Ele afirmou que os dois são “altamente qualificados” para fazer articulações com o Congresso Nacional.

Leia também1 Jair Bolsonaro volta a Brasília para reuniões com partidos
2 Por que Jair Bolsonaro presta continência a civis?
3 Para Macri, Jair Bolsonaro considera acordo Mercosul-UE

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.