Leia também:
X Ex-líder do governo defende Aras de “intimidação” da CPI

Flávio acionará o Conselho de Ética do Senado contra Randolfe

Senador afirma que Randolfe Rodrigues teria quebrado o decoro parlamentar ao pressionar a PGR sobre relatório da CPI

Paulo Moura - 18/02/2022 08h42 | atualizado em 18/02/2022 09h14

Senador Flávio Bolsonaro Foto: Agência Senado/Marcos Oliveira

O senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) anunciou, nessa quinta-feira (17), que vai ingressar com uma representação no Conselho de Ética do Senado contra o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) por quebra de decoro parlamentar. O pedido tem relação, segundo Flávio, com a pressão exercida pelo parlamentar da Rede contra o procurador-geral da República, Augusto Aras.

De acordo com Flávio, o posicionamento de Randolfe no sentido de que a Procuradoria-Geral da República (PGR) tome uma posição sobre os pedidos que constam no relatório da CPI da Covid se configura uma interferência política no órgão. Apresentado em outubro, o relatório do colegiado pediu o indiciamento de Flávio, do presidente Jair Bolsonaro e de diversas outras autoridades.

-Eu vou protocolar uma representação no Conselho de Ética contra o senador Randolfe Rodrigues por ter quebrado o decoro parlamentar e, mais uma vez, envergonhar o Senado Federal perante a população, achando que ele pode mandar nas coisas, acima da lei inclusive – declarou Flávio.

Na última terça-feira (15), Randolfe levantou a possibilidade de pedir o impeachment de Aras e disse que, mais de quatro meses após a apresentação do relatório, era esperado que a PGR se manifestasse sobre os pedidos de indiciamento de pessoas com foro especial.

Leia também1 Rússia anuncia nova retirada militar da região da Crimeia
2 Ex-líder do governo defende Aras de "intimidação" da CPI
3 PGR sugere arquivar ação contra Bolsonaro por vazamento
4 Câmara aprova isenção de IPTU para templos religiosos
5 Alerj "recua" e desiste de votar passaporte sanitário em escolas

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.