FHC lamenta falta de união entre candidatos de centro

Ex-presidente queria que outros candidatos de centro apoiassem Geraldo Alckmin

Pleno.News - 07/10/2018 13h25

Fernando Henrique Cardoso falou sobre eleições Foto: Agência Brasil/Tânia Rêgo

Neste domingo (7), o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso lamentou que sua tentativa de unir os candidatos de centro à Presidência da República nas eleições tenha fracassado. Ele se mostrou preocupado com a capacidade do próximo chefe de Estado para dirigir um país polarizado.

FHC fez sua proposta de aliança entre os candidatos de centro há cinco dias, quando as pesquisas davam por certo que a Presidência será definida em um segundo turno entre o deputado Jair Bolsonaro, candidato do PSL que lidera as pesquisas com 41% dos votos válidos, e Fernando Haddad, do PT, segundo colocado com 25%.

FHC convidou os outros candidatos de centro a se unirem em torno de Geraldo Alckmin, seu correligionário no PSDB, que registra apenas 8% das intenções de voto, para evitar um país dividido.

A proposta do tucano, que contou com o apoio de 91 assinaturas, foi criticada pelo pedetista Ciro Gomes, terceiro nas pesquisas com 13%. Marina Silva (Rede), que mal chega a 3% da preferência do eleitorado, também viu no manifesto do ex-presidente uma tentativa de alavancar a candidatura de Alckmin.

– É o que acredito, o que penso, se os demais não querem, o que vou a fazer? – declarou Fernando Henrique.

*Com informações da Agência EFE

LEIA TAMBÉM+ No exterior, brasileiros já votaram em 18 países
+ Lixo eleitoral já marca início das votações de hoje


Clique para receber notícias
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo