Leia também:
X Buscas por “quem é Michel Temer?” disparam no Google

Ex-secretário de Saúde acusa Wilson Witzel de corrupção

Edmar Santos fez declarações por meio de delação premiada

Rafael Ramos - 13/08/2020 11h04 | atualizado em 13/08/2020 11h35

Wilson Witzel foi apontado por Edmar Santos em esquema de corrupção Foto: Reprodução

O ex-secretário estadual de Saúde do Rio de Janeiro, Edmar Santos, admitiu a existência de um esquema de corrupção em contratações da pasta. Ele também denunciou o envolvimento do governador Wilson Witzel no desvio de dinheiro público.

A declarações foram feitos na delação premiada homologada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). Edmar foi preso preventivamente pelo Ministério Público do Rio no dia 10 de julho, dois meses após ser afastado do cargo no governo devido às suspeitas de irregularidades na compra de respiradores para pacientes internados com Covid-19.

Por meio de uma nota, a defesa de Witzel afirmou que “reitera a absoluta lisura do governador”. Segundo eles, “o instrumento da delação não é prova para qualquer juízo de condenação, servindo apenas como início de uma prova que ainda deverá ser obtida pela acusação”. A defesa acredita que nada será encontrado e aguarda acesso aos autos do processo.

Leia também1 Buscas por "quem é Michel Temer?" disparam no Google
2 Bolsonaro cria departamento de política pública para pets
3 Soro com anticorpos de cavalo é potente contra a Covid-19
4 Polícia realiza megaoperação contra agressores de mulheres
5 Doria não tomará cloroquina pois não "segue Bolsonaro"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.