Leia também:
X SC: Prefeitura obriga uso de máscaras em Itapema

Ex-MST declara apoio a Bolsonaro: “Ele é esforçado”

Empresária e piloto, Débora Rodrigues é a favor da flexibilização da quarentena

Rafael Ramos - 10/04/2020 13h38

Débora Rodrigues defende a flexibilização da quarentena Foto: Reprodução

Ex-integrante do Movimento Sem Terra (MST) e lembrada por sua carreira na TV como apresentadora do programa Fantasia, do SBT, e em sua participação no reality Mulheres Ricas, da Band, a piloto e empresária Débora Rodrigues defende o presidente Jair Bolsonaro e sua posição em relação à quarentena imposta por causa do coronavírus.

– Não sou contra a quarentena, mas acho que deveríamos ter uma flexibilização de alguns setores do comércio. A gente tem de preservar vidas, mas também tem de pensar que a economia também salva vidas. Eu tenho condições de ter uma vida confortável, mas não posso pensar só em mim – refletiu.

Aos 51 anos, Débora é dona de uma empresa com 30 funcionários que cuida de seis caminhões da Copa Truck. Ela disse que está a ponto de ter que escolher quem vai continuar ajudando.

– Diferente de outros países, enriquecer e virar empresário de forma lícita parece errado no Brasil. Ser rico não é pecado. Hoje recebo muitas críticas porque estou em uma situação boa. Algumas pessoas preferem ver as outras mal a ver alguém progredindo e gerando empregos.

Casada com o também empresário Renato Martins e mãe de três filhos, Débora afirma que, mesmo tendo integrado o MST, ela nunca se considerou esquerdista. Ela também rebateu as críticas feitas às decisões do presidente Bolsonaro.

– Sou muito criticado porque eu vim do MST, tinha que ter sido petista e eu nunca fui. Estava procurando uma condição melhor de vida. Não entrei porque era politizada, foi porque precisava e aos poucos fui conhecendo a causa e virei militante. Em relação a Bolsonaro, eu cresci com esse tipo de homem que teve essa criação mais rústica. Então, mesmo não concordando, eu compreendo. Ninguém vê o quanto ele é esforçado em muitas coisas – concluiu.

Leia também1 "Ninguém vai tolher minha liberdade", diz Bolsonaro
2 Bolsonaro critica politização da cloroquina: "Isso é vida"
3 Em live, Bolsonaro prevê fim do isolamento "em breve"

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.