Leia também:
X Sup. da Saúde do RJ é preso por fraude com respiradores

Ex-deputado, pastor Nivaldo Manoel morre aos 74 anos

Morte foi lamentada pela ministra Damares Alves que classificou o ex-parlamentar como "cristão respeitável"

Paulo Moura - 17/06/2020 08h38 | atualizado em 17/06/2020 08h52

Ex-deputado e pastor Nivaldo Manoel morreu aos 74 anos Foto: Reprodução

O ex-deputado estadual na Paraíba, pastor Nivaldo Manoel, morreu aos 74 anos na terça-feira (16) após uma luta contra um câncer no pâncreas que fez o político ficar em um hospital de João Pessoa, capital do estado. O líder religioso foi internado no início de junho e desde então seu quadro de saúde era grave.

Além de deputado estadual, Nivaldo foi vereador em João Pessoa entre 1989 e 1992, com destaque para trabalhos contra a pedofilia e no combate ao uso de drogas. O político deixa esposa e quatro filhos, que inclui a atual vereadora da capital paraibana Eliza Virgínia. Em rede social, ela lamentou a morte do pai.

– Vai com Deus, meu pai, meu líder, meu amigo. Te amarei pra sempre! – escreveu.

Quem também lamentou a morte do ex-deputado foi a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, que ressaltou os valores compartilhados por Nivaldo.

– Era um parlamentar sério, um cristão respeitável e um cidadão honesto. Na minha posse de Ministra, ele chorou, ele me honrou! Foi ele quem me mostrou, primeiro, as belezas do estado da Paraíba. Quantas lembranças boas vêm a minha mente – declarou Damares.

Além do trabalho contra a pedofilia e as drogas, Nivaldo também foi responsável pela autoria de projetos de lei que reconheceram a Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) no estado, a profissão de intérprete de LIBRAS e a inclusão da Língua Brasileira de Sinais no currículo escolar.

Leia também1 Marcha para Jesus fará live solidária com cantores gospel
2 Damares vai processar Ciro Gomes após sofrer ofensas
3 Damares suspende anistia de ex-presidente da CBF
4 "De olho", diz Damares sobre pedofilia envolvendo youtuber
5 Damares consola mãe de Miguel: 'Você não está sozinha'

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.