Leia também:
X Três viram réus por bomba perto do Aeroporto de Brasília

Ex-chefe da PM do DF afirma que tentou desativar acampamento

Fábio Augusto Vieira declarou que a desmobilização do local foi impedida pelo Exército

Paulo Moura - 16/01/2023 08h10 | atualizado em 16/01/2023 10h48

Coronel Fábio Augusto Vieira Foto: Divulgação/PMDF

Preso desde a última terça-feira (10), o ex-comandante da Polícia Militar do Distrito Federal Fábio Augusto Vieira declarou em depoimento à Polícia Federal que tentou por três vezes desativar o acampamento montado em frente ao Quartel-General do Exército em Brasília, mas a ação teria sido impedida pelos militares. Em uma das ocasiões, ele disse que chegou a acionar 500 homens.

– Que o coronel Fábio havia requerido a dissolução do acampamento; que por três vezes ele chegou a mobilizar homens para dissolver os manifestantes em frente ao QG; que o Exército impediu essa ação da PMDF; que ele chegou a mobilizar 500 homens com objetivo de acabar com o acampamento – diz o registro do depoimento.

Além disso, Vieira declarou à PF que, no dia 8, quando ocorreu a invasão que resultou na depredação das sedes dos Três Poderes, os contingentes de policiais legislativos no Congresso e de militares para segurança do Planalto, realizada pelo Exército, foram insuficientes.

O ex-chefe da PM também declarou que não recebeu ordens para impedir os manifestantes de descerem a Esplanada dos Ministérios e que as trocas realizadas na cadeia de comando podem ter dificultado o fluxo de informações. Vieira registrou que ficou ferido em combate durante a invasão e que entrou em luta corporal com os manifestantes.

O ex-comandante ainda destacou que todas as ações do dia 8 de janeiro foram definidas a partir de um protocolo, “pactuado entre todos os órgãos e agências interessados” e que atendeu ao ofício do Ministério da Justiça, que determinou o reforço na região da Esplanada dos Ministérios após caravanas chegarem ao acampamento montado na frente do QG do Exército.

Leia também1 Três viram réus por bomba perto do Aeroporto de Brasília
2 Dallagnol desmente Jandira após fake news sobre viagem
3 Nikolas Ferreira fica noivo e já tem casamento marcado
4 Bolsonaro fala sobre seu estado de saúde: "Estou bem"
5 Ataque terrorista deixa mortos e feridos em igreja no Congo

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.