Leia também:
X Ato contra Bolsonaro na Avenida Paulista teve 8 mil pessoas

Esquerdistas tentam agredir Ciro Gomes com pedaços de pau

Ex-governador do Ceará foi alvo da ira de manifestantes em ato contra o presidente Jair Bolsonaro

Henrique Gimenes - 02/10/2021 22h36 | atualizado em 02/10/2021 22h44

Ciro Gomes quase foi agredido por manifestante com pedaços de pau Foto: Reprodução

Neste sábado (2), durante participação nos protestos contra o presidente Jair Bolsonaro, o ex-governador do Ceará, Ciro Gomes, foi xingado e vaiado pelos manifestantes de esquerda. Antes de deixar o local, manifestantes esquerdistas tentaram agredi-lo, inclusive com um pedaço de pau, de acordo com o jornal Folha de S.Paulo.

Durante seu discurso, Ciro também foi ofendido pelos presentes, que o mandaram tomar no c*. Após os ataques, ele decidiu rebater e chamou os críticos de “fascistas de vermelho”.

– Bolsonaro a tua hora está chegando, porque o povo brasileiro é muito maior que os fascistas de vermelho ou de verde e amarelo – afirmou.

Antes de sair do protesto, Ciro encontrou militantes que tentaram partir para a agressão. Segundo o portal, um manifestante tentou jogar uma garrafa contra Ciro, mas foi detido por policiais. Já outros presentes chegaram a arremessar pedaços de madeira no carro em que o ex-governador do Ceará estava.

Leia também1 Vaiado, Ciro chama esquerdistas de "fascistas de vermelho"
2 Ciro é hostilizado pela esquerda em ato contra Bolsonaro no Rio
3 Fracasso nas pesquisas faz Ciro pressionar por impeachment
4 Ato contra Bolsonaro na Avenida Paulista teve 8 mil pessoas
5 Fracasso de atos da esquerda faz web avisar: #BolsonaroReeleito

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.