Leia também:
X Frase de Lula sobre “bater em mulher” segue gerando polêmica

Entenda o conteúdo da “cola” de Bolsonaro no Jornal Nacional

Presidente tinha quatro tópicos escritos em sua mão esquerda

Monique Mello - 23/08/2022 16h06 | atualizado em 23/08/2022 16h46

Bolsonaro foi munido de “cola” ao Jornal Nacional Fotos: Reprodução/TV Globo

Entre os tópicos da entrevista que o presidente Jair Bolsonaro (PL) concedeu ao Jornal Nacional na noite desta segunda-feira (22), um dos mais comentados nas redes sociais é a “cola” que o chefe do Executivo tinha escrita em uma das mãos. Foi possível observar quatro temas anotados: “Nicarágua”, “Argentina”, “Colômbia” e “Dário Messer”.

As três primeiras palavras são nomes de países latino-americanos cujos presidentes são de esquerda. Já Dário Messer, conhecido como “o doleiro dos doleiros”, confessou à Operação Lava Jato do Rio que cometeu crimes como lavagem de dinheiro, evasão e associação criminosa.

Em publicação no Twitter, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) ilustrou cada tópico com manchetes de noticiários nacionais. Uma delas citava justamente a Globo.

– Polícia prende sétimo candidato opositor de Ortega na Nicarágua / Presidente da Colômbia nomeia ex-guerrilheiro como diretor de inteligência / Argentina enfrenta escassez de produtos nos supermercados / Em delação, Messer diz que entregava dólares aos Marinho, da Globo.

A cantora Anitta tentou pegar carona na pauta e provocar o presidente ao publicar uma foto dos dizeres que ele escreveu em sua mão. Entretanto, a repercussão não saiu como a artista esperava, e acabou sendo positiva para o chefe do Executivo, levando-o até mesmo a agradecer a ela em postagem irônica e pedir para que internautas pesquisassem sobre os temas. A funkeira decidiu, então, voltar atrás excluindo a publicação, mas o ato chamou ainda mais atenção para o caso, levando a palavra “apagou” para os assuntos mais comentados do Twitter nesta terça (23).

Leia também1 Bonner e Renata falaram por 15 minutos em entrevista no JN
2 Bolsonaro foi aclamado pelo povo após "dar show" na Globo
3 'Não foi entrevista, foi discurso do Bonner', repudia Milton Neves
4 Bolsonaro orou no camarim da Globo antes de entrada no JN
5 "Não foi entrevista profissional, foi interrogatório", diz Eduardo Bolsonaro

Siga-nos nas nossas redes!
WhatsApp
Entre e receba as notícias do dia
Entrar no Grupo
Telegram Entre e receba as notícias do dia Entrar no Grupo
O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.